terça-feira, 21 de junho de 2016

PROJETO TRILHAS POTIGUARES CHEGA À TIBAU

PROJETO TRILHAS POTIGUARES 


A Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN - chega a Tibau para realizar o Projeto Trilhas Potiguares, de 26 de junho a 2 de julho, quando serão desenvolvidos cursos, oficinas, em diversas atividades culturais, esportivas e ecológicas.

Projetos a serem desenvolvidos no Projeto Trilhas Potiguares em Tibau: hortas recreativas, oficina de reciclagem, atendimento à saúde, curso de teatro,  demanda de profissionalização para energia eólica, oficinas de atividades esportivas, oficina de rádio, oficina de inclusão social, projeto inventário de equipamentos turísticos,  capacitação de agentes comunitários de saúde e palestras à comunidade, trilhas ecológicas, projeto praia limpa, projeto evento na praça, projeto arboviroses (dengue, zika vírus e chicugunya, estruturação do arquivo municipal e re-estruturação e funcionamento da biblioteca municipal. 

Fonte: Assessoria de Comunicação

segunda-feira, 20 de junho de 2016

O 12 DE JUNHO TAMBÉM É LEMBRADO EM TIBAU



No dia 12 de junho é lembrado o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, uma data que, infelizmente, não pode ser esquecida, já que milhões de crianças em todo o mundo são exploradas e, até mesmo, escravizadas.
A data serve como um alerta para a sociedade de todo o mundo e os organismos governamentais sobre a existência do trabalho infantil. A mesma foi criada em 2002, por iniciativa da Organização Internacional do Trabalho (OIT), uma agência vinculada à Organização das Nações Unidas (ONU).

O número de crianças trabalhando nesse momento impressiona. Centenas de milhões delas trabalham ao invés de desfrutarem da infância e usufruírem de seus direitos à educação, à saúde e ao lazer. O Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil serve para lembrar que o direito à infância é negligenciado por muitos países.

Uma das armas fundamentais de combate ao trabalho infantil é a intensa mobilização civil contra a exploração de crianças e adolescentes, uma grave violação aos direitos humanos fundamentais.

No Brasil, existem muitas campanhas e programas com o objetivo de erradicar o trabalho infantil e em Tibau não poderia ser diferente. Em ação realizada na Praça Santa Teresinha, como de costume, o CREAS Tibau, COMDICA, Conselho Tutelar e os demais equipamentos da Secretaria de Desenvolvimento Social e Juventude, mobilizaram alunos, professores, Poder Público e sociedade civil para juntos debaterem o assunto. 







Imagens: tvt... tovendotibau@blogsport.com.br

Recurso será usado para a construção de Cras e Creas em 153 municípios

Ministério repassa R$ 28,6 milhões para ampliação da rede socioassistencial


Publicado em 10/06/2016 18h08
Foto: Ana Nascimento/Ascom












Brasília – O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) repassou R$ 28,6 milhões para 153 municípios ampliarem a rede socioassistencial. O recurso, proveniente do Fundo Nacional de Assistência Social (FNAS), será usado na construção de 125 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e 29 Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas).
Com o repasse, a Caixa Econômica Federal já pode emitir a autorização de início de obras.  “Esse repasse garante a ampliação da rede de serviços e a continuidade do Sistema Único de Assistência Social”, destacou o ministro Osmar Terra.  
Atualmente, o país conta com 7.511 Cras. Neles, as famílias podem ser incluídas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, ter acesso a benefícios como o Bolsa Família, a cursos de qualificação profissional, e a atividades que promovem o fortalecimento do vínculo familiar. Já os 2.292 Creas atendem famílias que enfrentam situações de maior risco de rompimento desse vínculo, como situação de violência física, psicológica e sexual.
Informações para a imprensa:Ascom / Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário(61) 2030-1021http://www.mds.gov.br/area-de-imprensa

segunda-feira, 30 de maio de 2016

MOBILIZAÇÃO NO COMBATE AO ABUSO E EXPLORAÇÃO SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES



Ontem, 18 de maio, foi celebrado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes. A campanha, teve início em 2010, utiliza o slogan “Faça Bonito, proteja nossas crianças e adolescentes”, também é realizada nos municípios e, em Tibau não poderia ser diferente.

No dia de ontem, a Secretaria de Assistência Social, pastada comandada pela primeira-dama Carla Sabrina, realizou mobilização pelas ruas da cidade, levando informações dos cuidados que se devem ter com as crianças e adolescentes.

De acordo com Carla Sabrina, o símbolo da campanha, que é uma flor, “nos remete aos cuidados oferecidos a crianças e adolescentes para que cresçam protegidas e saudáveis. Por isso, o alerta que fazemos a população e gerar soluções efetivas de prevenção ao enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes”, ressaltou a secretaria.

Ainda segundo Carla Sabrina, a Prefeitura Municipal através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Juventude, juntamente com: CREAS, COMDICA, Conselho Tutelar, Secretaria de Educação e demais secretarias realizou a caminhada para sensibilizar e orientar a população sobre o tema, buscando juntas as ações da sociedade civil com o governo municipal.

O abuso de criança e adolescente é crime previsto no Código Penal Brasileiro, punível com detenção. O combate a essa realidade exige que os casos sejam denunciados. Em qualquer situação, a denúncia pode ser feita pelo Disque Denúncia Nacional, de número 100. No município, a denúncia pode ser feita junto Conselho Tutelar e na Delegacia.

O que é violência sexual?
É a situação em que a criança ou o adolescente é usado para o prazer sexual de uma pessoa mais velha. Ou seja, qualquer ação de interesse sexual, consumado ou não. É uma violação dos direitos sexuais das crianças e adolescentes, porque abusa ou explora do corpo e da sexualidade, seja pela força ou outra forma de coerção, ao envolver crianças e adolescentes em atividades sexuais impróprias à sua idade, ou ao seu desenvolvimento físico, psicológico e social.

Abuso x Exploração

A violência sexual pode ocorrer de duas formas distintas. Abuso sexual é qualquer forma de contato e interação sexual entre um adulto e uma criança ou adolescente, em que o adulto, que possui uma posição de autoridade ou poder, utiliza-se dessa condição para sua própria estimulação sexual, da criança ou adolescente, ou ainda de terceiros, podendo ocorrer com ou sem contato físico. Já a exploração se caracteriza pela utilização sexual de crianças e adolescentes com a intenção de lucro, seja financeiro ou de qualquer outra espécie. São quatro formas em que ocorre a exploração sexual: em redes de prostituição, pornografia, redes de tráfico e turismo sexual.​

Fonte: Assessoria de Imprensa

quarta-feira, 4 de maio de 2016

RELATÓRIO SOBRE O PROGRAMA BOLSA FAMILIA E CADASTRO ÚNICO EM TIBAU


RI Bolsa Família e Cadastro Único





TIBAU (RN)
IBGE: 241105       


Visão Geral
Cadastro Único
O Cadastro Único para Programas Sociais reúne informações socioeconômicas das famílias brasileiras de baixa renda – aquelas com renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa. Essas informações permitem ao governo conhecer as reais condições de vida da população e, a partir dessas informações, selecionar as famílias para diversos programas sociais.
No Município TIBAU/RN, o total de famílias inscritas no Cadastro Único em dezembro de 2015 era de 1.222 dentre as quais:
  • 518 com renda per capita familiar de até R$77,00;
  • 245 com renda per capita familiar entre R$77,00 e R$ 154,00;
  • 319 com renda per capita familiar entre R$ 154,00 e meio salário mínimo;
  • 140 com renda per capita acima de meio salário mínimo.
O Programa Bolsa Família (PBF) é um programa de transferência condicionada de renda que beneficia famílias pobres e extremamente pobres, inscritas no Cadastro Único. O PBF beneficiou, no mês de março de 2016, 559 famílias, representando uma cobertura de 129,7 % da estimativa de famílias pobres no município. As famílias recebem benefícios com valor médio de R$ 142,82 e o valor total transferido pelo governo federal em benefícios às famílias atendidas alcançou R$ 79.838,00 no mês.
Em relação às condicionalidades, o acompanhamento da frequência escolar,   com base no bimestre de novembro de 2015, atingiu o percentual de 97,2%, para crianças e adolescentes entre 6 e 15 anos, o que equivale a 453 alunos acompanhados em relação ao público no perfil equivalente a 466. Para os jovens entre 16 e 17 anos, o percentual atingido foi de 84,3%, resultando em 91 jovens acompanhados de um total de 108.
Já o acompanhamento da saúde das famílias, na vigência de dezembro de 2015, atingiu  64,7 %, percentual equivale a 266 famílias de um total de 411 que compunham o público no perfil para acompanhamento da área de saúde do município.



" No mês de Março o programa injetou na economia do municipio o valor total de recursos financeiros pagos em benefícios às famílias (em reais R$) 79.838,00"









Governo divulga lista de entidades de distribuição do Programa do Leite


ASSECOM/SETHAS01 abr 2016 12:08
ASSECOM/SETHAS
O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas-RN), divulgou no Diário Oficial o resultado da seleção com a lista das entidades e instituições socioassistenciais sem fins lucrativos habilitadas a fazer a distribuição do leite no Programa Leite Potiguar. Das que atenderam à chamada pública, 58 entidades de 37 municípios estão aptas a fazer a distribuição do leite.
Nas cidades onde não há instituição socioassistencial habilitada, a entrega do produto será realizada nas escolas estaduais. Entretanto, a Sethas-RN pretende lançar um novo edital no segundo semestre, com os mesmos requisitos. Portanto, as instituições interessadas já podem começar a preparar os documentos necessários.
O resultado do processo atual está à disposição dos interessados na Sethas-RN, no Centro Administrativo do Estado, das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. Esclarecimentos também podem ser obtidos pelos telefones 3232-5622/3232-1813 ou através de e-mail: plp.sethas@gmail.com.
Link do resultado no Diário Oficial.
Entidades e instituições habilitadas:
  • Sociedade de Proteção à Maternidade e à Infância (Acari)
  • Associação Comunitária dos Produtores Rurais do Sítio Almino Afonso (Almino Afonso)
  • Associação Comunitária de São José – ACSJ (Alto do Rodrigues)
  • Centro de Desenvolvimento Comunitário Social da Saúde, da Cultura e Economia de Angicos Joana Maria de Jesus (Angicos)
  • Associação de Desenvolvimento Comunitário Rural do Pico Branco (Antônio Martins)
  • Associação de Proteção e Assistência aos Necessitados (Areia Branca)
  • Obras Sociais Dom Bosco (Areia Branca)
  • Conselho Comunitário de Pico Estreito (Baraúna)
  • Associação de Desenvolvimento Sócio-cultural da Região do Mato Grande (Bento Fernandes)
  • Clube de Mães e Idosas Lindalva Gomes (Bom Jesus)
  • Instituto para Valorização da Cultura Camponesa no Semiárido Brasileiro (Campo Grande)
  • Conselho Comunitário Regional de Capela (Ceará-Mirim)
  • Conselho Comunitário de Muriú (Ceará-Mirim)
  • Associação Comunitária Novo Horizonte (Encanto)
  • Centro Social José Fernandes de Queiroz – CESJOFEQ (Encanto)
  • Desafio Jovem Ebenézer (Extremoz)
  • Centro Social Francisco Bevenuto (Francisco Dantas)
  • Associação do Desenvolvimento da Agricultura Familiar Frutuosense (Frutuoso Gomes)
  • Clube de Mães Mãe Felipa (Jardim de Angicos)
  • Lar da Pessoa Idosa Pedro Epaminôndas Lopes (Jucurutu)
  • Associação Comunitária Cultural Social e Desportiva (Lajes)
  • Centro de Desenvolvimento Sócio-cultural Qualidade de Vida - Viva Melhor (Lucrecia)
  • Associação Cristã de Marcelino Vieira (Marcelino Vieira)
  • Associação de Apoio aos Montalegrenses (Monte Alegre)
  • Associação Cultural Comunitária Armando Marques (Monte Alegre)
  • Associação Mãe Rosa dos Artesões de Sobrado (Monte Alegre)
  • Associação dos Produtores Rurais do Cercado Grande (Monte das Gameleiras)
  • Associação de Desenvolvimento Rural Sustentável Novo Horizonte (Monte das Gameleiras)
  • Associação dos Moradores e Amigos do Bairro da Cidade Alta (Natal)
  • Instituto Juvino Barreto (Natal)
  • Instituto Lar do Ancião Evangélico (Natal)
  • Instituto Norte Riograndense da Cidadania São Judas Tadeu (Natal)
  • Associação Beneficente Terra da Promessa (Natal)
  • Centro de Apoio à Criança (Natal)
  • Núcleo de Desenvolvimento Social (Natal)
  • Associação Beneficente Raimunda Rodrigues (Natal)
  • Associação Beneficente Amor Verdadeiro (Natal)
  • Centro de Educação e Cultura para Crianças e Adolescentes – CECCA (Natal)
  • Casa de Caridade Maria de Nazaré (Natal)
  • Associação em Defesa dos Inquilinos do Conjunto Santarém – SADICON (Natal)
  • Associação Transformando Vidas (Nísia Floresta)
  • Associação Comunitária Benvinda Maria da Conceição (Olho D’água dos Borges)
  • Associação Comunitária para o Desenvolvimento de Olho D’água do Borges
  • PROANFA - Projeto Amigos da Família (Parnamirim)
  • Centro Social Terezinha Barros (Parnamirim)
  • Instituto de Assistência Social e Educação – AMAR (Parnamirim)
  • Fundação Donatile Costa (Pedro Avelino)
  • Associação de Desenvolvimento Comunitário de Riacho da Cruz
  • Associação Comunitária de Redenção (Santo Antônio)
  • Abrigo Anízia Pessoa (São José de Mipibu)
  • C. de Comunicação e Cultura de São José de Mipibú
  • Fundação José Matias de Araújo (São José de Campestre)
  • Associação Espírita Comunitária Caridade e Luz (Severiano Melo)
  • Associação de Educação e Cidadania Santos Dumont (Tibau)
  • Associação Educacional Comunitária de Tibau do Sul
  • Associação Municipal de Desenvolvimento Comunitário de Umarizal
  • Associação Comunitária, Cultural e de Comunicação Social (Venha Ver)
  • Associação Comunitária para o Desenvolvimento de Viçosa

- See more at: http://www.sethas.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=110679&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=MAT%C9RIA#sthash.b9bbF42n.dpuf